Descubra o Beach Tennis, modalidade que vem crescendo entre os brasileiros

De acordo com a Confederação Brasileira de Tênis (CBT), órgão que rege o Beach Tennis no Brasil, o esporte de areia surgiu na década de 1980 nas praias italianas, sem regras definidas. Pela facilidade da prática, se disseminou rapidamente, já tendo campeonatos mundiais na década de 2000. A International Tennis Federation (ITF), reguladora do tênis mundial, chegou posteriormente criando os atuais maiores campeonatos da modalidade no mundo.

O esporte chegou ao Brasil em 2008 no Rio de Janeiro e então cresceu continuamente em cidades praianas e até não-praianas. Teve grandes competições nesta década, com campeonatos Mundiais, Pan-Americanos, Sul-Americanos, Copas das Nações, e muitos outros, além de um recorde de 28 nações no mundial em 2015. O Brasil é multicampeão Mundial, da Copa das Nações, Sul-Americano e multicampeão Pan-Americano.

Segredo do Sucesso do Beach Tennis no Brasil

Os títulos são reflexo do crescimento do BT no país, que é facilitado pela extensão territorial e litorânea, clima tropical, acessibilidade aos materiais, fácil prática por diferentes idades, sistema de clubes recreativos ou esportivos e de instituições promotoras do esporte. Além disso, no estudo de Guiducci et. al (2019), em que ele entrevista atletas da modalidade a respeito do crescimento da mesma, há algumas respostas interessantes sobre o “boom” da modalidade, como: “a diversão e o ambiente agradável de jogo fazem com que (naturalmente) as pessoas continuem treinando após o primeiro contato com o esporte, independentemente da faixa etária”, além de que os atletas da modalidade, na fala de um, “não recebem salários como atletas, além das baixas premiações nos torneios”, o que os obriga a se tornarem professores, logo, se tornando promotores da prática. 

Além disso, a maior parte dos entrevistados também colocam os méritos do crescimento na ITF e na CBT que bancaram atletas e trouxeram visibilidade para a prática.

Regras

Em 1996, ano da criação da International Federation Beach Tennis (IFBT) a modalidade ganhou padronizações: foram adicionados tamanho padrão para o espaço de jogo (16x8 m para duplas e 16x4,5 m individual) e rede de 170 cm de altura para divisão dos lados. As raquetes devem possuir no máximo 50 cm de comprimento, 3,8 cm de espessura e 26 cm de largura. Tanto no individual quanto em dupla, após passar a rede, a bola não pode encostar no chão e é necessário só haver um contato por time.

Ainda no trabalho de Guiducci et. al (2019), duas foram as modalidades mais comparadas com o BT. Os atletas listaram as maiores semelhanças entre BT e tênis:

  1. Uso de raquetes (apesar de distintas);

  2. Contagem de pontos - 15, 30, 40 e game. O jogo possui 6 games e o tiebreaker no sétimo. Porém, a pontuação muda muito em cada torneio;

  3. Há o formato de 3 e de 5 sets. No primeiro caso, quando está 1 a 1, há o match tie break, que vai até 10 pontos;

  4. Técnicas e golpes de mesmas nomenclaturas;

  5. Formas de jogo: em duplas ou individual;

  6. Empunhadura da raquete.

E com o vôlei de praia:

  1. Praticado na areia;

  2. Movimentações parecidas e lógica de jogo;

  3. Algumas regras específicas (referentes à rede principalmente);

  4. Não ter vantagem no saque;

  5. Tamanho do espaço de jogo.

 

Pratique!

Agora que conheceu como surgiu o esporte, suas regras e derivações, chegou o momento de ir para a prática! Para quem procura manter a saúde, praticar um esporte, aprender, socializar, se divertir e tem acessibilidade a uma quadra ou espaço e se possível à aulas, talvez o Beach Tennis faça o seu gosto! O esporte vem atraindo cada vez mais praticantes, público, fornecedores de materiais e campeonatos e deve virar cada vez mais uma febre nas praias brasileiras, além de ganhar espaços em clubes e instituições esportivas. O jogo é adaptável e pode ser praticado desde por quem só tem um espaço livre, duas raquetes e uma bolinha, e quem tem acesso a clubes ou praias podem jogar livremente e até procurar aulas e espaços para frequentarem!

Referências Bibliográficas

Beach Tennis tem seus campeões na Arena Verão. Prefeitura de Santos. Acessado em 03/02/2021. Disponível em: <https://www.santos.sp.gov.br/?q=noticia/beach-tennis-tem-seus-campeoes-na-arena-verao>.

História do Beach Tennis. Disponível em: <http://cbt-tenis.com.br/beachtenis.php?cod=5>. 

GUIDUCCI, A.; DANAILOF, K.; ARONI, A. L. Beach Tennis: A opinião de professores e atletas. Coleção Pesquisa em Educação Física, v. 18, n. April, 2019. 

NUNOMURA, M.; GALATTI, L. R.; MARQUES, R. F. R. A introdução e o desenvolvimento do Beach Tennis na cidade de Araraquara. [s.l.] Universidade de São Paulo, 2017.
 


 Lorenzo Christofoli Scalise                    
 Graduando em Ciências do Esporte
 




 

Contrate agora

R$/ mês

Faça seu cadastro

Solicite um orçamento

Deixe seu recado
Olá, seja bem vindo a Ritmo do Esporte! Como podemos te ajudar?